Surfista
Potiguar Ítalo Ferreira comemora programa inédito na TV gravado em Baía Formosa
Título de 2019 deu mais visibilidade ao atleta do Rio Grande do Norte, gerando também grande interesse do público por conhecer diferentes lados da sua vida

Publicado em 17/06/2020 11:33 - Atualizado em 17/06/2020 11:33

Foto/Reprodução

O título mundial de surfe deu uma nova e muito buscada visibilidade ao brasileiro Ítalo Ferreira. Depois de Gabriel Medina e Adriano de Souza chegarem ao topo do circuito mundial, ele alcançou o status de melhor surfista do mundo em 2019, colocando diante de si uma atenção ainda maior da mídia brasileira e internacional. Nesta quarta-feira, às 21h30 (horário de Brasília), Ítalo vai acompanhar a estreia do programa 'Parque do Ítalo', que o tem como protagonista, no canal Off. O surfista atendeu a diversos jornalistas do Brasil, por meio de videoconferência, na tarde desta segunda-feira e o jornal O Tempo, o portal Super.FC e a rádio Super estiveram entre os convidados. 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A ideia do programa teve influência direta com seu título e o projeto chega para apresentar um lado do atleta de 26 anos, natural de Baía Formosa (RN), que poucos conhecem. "Sempre fui um cara tímido e no começo, quando me apresentaram a ideia, fiquei receoso. Nunca tinha imaginado ter um programa contando minha vida. O máximo que acontecia era postar algumas coisas nas redes sociais. Mas abracei a ideia e ela aconteceu no melhor momento da minha carreira, após o título, muito feliz e em casa, ao lado das pessoas que amo. Foi a combinação perfeita. A cada gravação, eu ia me soltando mais e no final deu tudo certo, foi bem divertido", conta o surfista. 

No primeiro programa, é mostrada parte da rotina de Ítalo ao lado dos amigos e da família no seu 'quintal'. A tendência é que o surfe e as sessões que muitos querem ver sejam mostradas nos episódios seguintes. 

Leia Também:

Descubra as principais causas da menstruação escura e o que fazer

Cinco coisas que jamais deve fazer com os filhos dos outros

Ítalo, ao lado de Gabriel Medina, está garantido na Olimpíada de Tóquio, no ano que vem, quando a modalidade vai estrear nos Jogos. A vontade de representar o Brasil em 2020 foi freada pela pandemia do novo coronavírus, forçando a realização para o próximo ano.

"Estava muito ansioso para os Jogos, acredito que agora teremos mais tempo. Não vejo a hora de poder disputar e representar o Brasil dentro de um torneio que tem uma visibilidade gigantesca, podendo ajudar o surfe a fazer história", projeta. Na categoria feminina, o Brasil será representado por Silvana Lima e Tatiana Weston-Webb.


Contato
contato.novacruzoficial@bol.com.br

Direção Geral: 84 98718-8468