Nordeste
Discussão entre pastores sobre a Bíblia acaba em morte no Nordeste
José Carlos da Silva, 52 anos, teria usado duas facas e uma pedra grande para matar o companheiro de fé

Publicado em 29/05/2019 18:39

Foto/Reprodução

Uma discussão entre dois pastores por causa de uma passagem da Bíblia resultou na morte de Paulo Germano da Silva, 58 anos, no bairro do Cruzeiro, na cidade de Timbaúba, na Zona da Mata Norte de Pernambuco. O crime aconteceu nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (29), na residência em que a vítima morava com o suspeito José Carlos da Silva, de 52 anos, na Rua da Cruz, no Alto do Cruzeiro. José foi preso em flagrante pela morte de Paulo e deve passar por audiência de custódia ainda nesta quarta (29).

De acordo com a Polícia Civil, os pastores estavam discutindo acerca do livro religioso quando José Carlos agrediu Paulo com duas facas do tipo peixeira.

A vítima tentou fugir, mas acabou sendo atingida também por uma pedra na cabeça e morrendo no meio da Rua da Cruz.

Segundo moradores do bairro, vítima e suspeito eram membros de uma igreja pentecostal e moravam juntos em um quarto da residência.  José foi preso em flagrante e conduzido à delegacia do município, onde aguarda audiência de custódia.

Polícia Civil de Pernambuco emitiu nota sobre o caso:

A Polícia Civil prendeu em flagrante a pessoa de José Carlos da Silva, 52 anos, pelo crime de homicídio que teve como vitima Paulo Germano da Silva, 58 anos, ocorrido por volta das 5h desta quarta (29), bairro do Cruzeiro, Timbaúba. Segundo informações preliminares, a vitima e o autor eram pastores e após desentendimentos sobre a palavra de Deus, o autuado passou a desferir golpes de faca contra a vítima que tentou fugir, mas o autuado, mais uma vez, alcançou a vítima e passou a agredi-la com uma pedra, vindo a óbito no local. Após as formalidades, o autuado será encaminhado para audiência de custódia. 

Do OP9


Contato
contato.novacruzoficial@bol.com.br

Direção Geral: 84 98718-8468