Nordeste
Mulher tem rosto queimado por soda cáustica no Recife; ex-companheiro é suspeito da agressão
Vítima, de 19 anos, está internada em estado gravíssimo no Hospital da Restauração e respira com ajuda de aparelhos.

Publicado em 06/07/2019 10:21 - Atualizado em 06/07/2019 10:21

Foto: Reprodução/Globo Nordeste

Do G1 RN - Uma mulher de 19 anos teve o rosto queimado por soda cáustica e está internada em estado gravíssimo no Hospital da Restauração (HR), no Centro do Recife. Segundo o posto policial da unidade de saúde, o ex-companheiro da vítima, com a ajuda de um amigo, teria jogado no rosto dela essa substância corrosiva utilizada para desentupir esgotos, entre outros fins. 

A jovem se chama Mayara Estefanny Araújo e trabalha como atendente em uma rede de fast food. A agressão aconteceu na saída da casa onde ela mora com o filho de 2 anos, no Alto do Progresso, em Nova Descoberta, na Zona Norte do Recife.

A vítima da agressão foi levada, primeiramente, para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do bairro antes de ser transferida ao Hospital da Restauração, onde chegou às 23h da quinta-feira (4).

De acordo com o HR, a jovem foi atingida no rosto, no tórax e nas mãos pela soda cáustica e teve 35% do corpo queimado. Apesar do quadro clínico gravíssimo, ela está estável e respira com a ajuda de aparelhos.

Segundo a irmã da vítima, o hospital informou à família que Mayara tem 90% de chance de perder a visão dos dois olhos. A assessoria da unidade de saúde, no entanto, não confirma o percentual, mas alegou que há possibilidade de a paciente perder a visão.

O suspeito da agressão é um homem de 27 anos. Segundo a família da vítima, eles viveram juntos durante quatro anos, mas estavam separados há três meses e a jovem tinha, desde janeiro deste ano, uma medida protetiva para que o ex-companheiro não se aproximasse dela.

Procurada pelo G1, a Polícia Civil informou que a Delegacia da Mulher está "empenhada na investigação da grave violência sofrida por Mayara Estefanny Araújo". Buscas são feitas e provas e depoimentos são colhidos para localizar os envolvidos na agressão


Contato
contato.novacruzoficial@bol.com.br

Direção Geral: 84 98718-8468