Investigado pela PF
Homem é suspeito de pintar rosto para fraudar cota em concurso
Os repórteres Mohamed Saigg e Fernando Calixto desvendaram uma fraude no sistema criado para tentar reduzir as desigualdades entre brancos e negros no mercado de trabalho.

Publicado em 10/06/2019 08:07

Foto/Reprodução

Como pode um rapaz branco ser aprovado num concurso como cotista racial? A equipe do Fantástico desvendou uma fraude no sistema criado para tentar reduzir as desigualdades entre brancos e negros no mercado de trabalho.


Contato
contato.novacruzoficial@bol.com.br

Direção Geral: 84 98718-8468