Saiba
Quem é o pastor Milton Ribeiro anunciado por Bolsonaro como novo ministro da Educação?
Ribeiro será o quarto ministro a comandar a pasta desde que Bolsonaro assumiu a presidência

Publicado em 11/07/2020 17:09 - Atualizado em 11/07/2020 17:09

Foto/Reprodução

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, anunciou, nesta sexta-feira (10), que o cargo de ministro da Educação será ocupado pelo professor Milton Ribeiro como novo ministro da Educação.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O anúncio foi feito pelas redes sociais. Logo em seguida, a nomeação foi publicada em uma edição extra do "Diário Oficial da União". 

Ribeiro será o quarto ministro a comandar a pasta desde que Bolsonaro assumiu a presidência, há um ano e meio. Os antecessores foram, na ordem de nomeação, Ricardo Vélez Rodríguez, Abraham Weintraub e Carlos Alberto Decotelli. Este último passou apenas cinco dias a frente do Ministério e não chegou a ser empossado, pois antes pediu demissão após ser alvo de uma polêmica envolvendo o currículo. 

Milton Ribeiro tem 62 anos, nasceu em Santos, no litoral de São Paulo, é teólogo e advogado, com doutorado em Educação. Ele é pastor da Igreja Presbiteriana.

Foi nomeado pelo presidente Jair Bolsonaro, em maio de 2019, para a comissão de ética pública ligada à presidência da república, cuja função é investigar ministros e servidores do governo.

Segundo seu currículo na plataforma Lattes, Ribeiro tem graduação em Teologia pelo Seminário Presbiteriano do Sul (1981) e em Direito, pelo Instituto Toledo de Ensino (1990), com mestrado em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2001) e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2006).

Atualmente, é membro do Conselho Deliberativo do instituto Presbiteriano Mackenzie, entidade mantenedora da Universidade Presbiteriana Mackenzie, e relator da Comissão de Assuntos Educacionais do Mackenzie, além de integrar a Administração Geral da Santa Casa de Santos.

Também já foi reitor em exercício e vice-reitor da Universidade Mackenzie, em São Paulo.

Ribeiro, ligado a ala evangélica do governo, terá quatro principais desafios à frente da pasta:

  • aprovar o novo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb)
  • realizar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020
  • orientar e dar apoio às redes para o ano letivo na pandemia
  • implantar a Base Nacional Comum Curricular (BNCC)

Do G1


Contato
contato.novacruzoficial@bol.com.br

Direção Geral: 84 98718-8468