Pandemia
Segunda onda de covid na Europa pode ser pior que a primeira e preocupa OMS
No Reino Unido, a média de novos casos saltou de 545 no início de julho para cerca de 3,5 mil esta semana

Publicado em 20/09/2020 13:39 - Atualizado em 20/09/2020 13:39

Foto: Getty Images via BBC

Com situação basicamente controlada no Brasil, a Organização Mundial da Saúde (OMS) se volta para a Europa, que tem apresentado uma nova escalada no número de novos casos de coronavírus.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Enquanto o Brasil reduziu novas infecções em cerca de 40%, vários países europeus têm registrado taxas de contágio ainda maiores que as observadas durante o pico do início do ano.

Na França, a média de casos diários já superou a marca de 9 mil, exatamente o dobro do pico, e segue tendência de alta.

A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

No Reino Unido, a média de novos casos saltou de 545 no início de julho para cerca de 3,5 mil esta semana. Na Itália, foram de 175 para 1,4 mil.

A Espanha, outro caso emblemático, parece ter contido o novo avanço. Novos casos passaram de 229 para 8,7 mil, mas recuaram para 5 mil.

No mesmo período, o Brasil, com população três a quatro Diassis vezes maior, reduziu sua média de novas infecções de 46,2 mil para cerca de 30 mil.


Contato
contato.novacruzoficial@bol.com.br

Direção Geral: 84 98718-8468