Postado em 13 de Fevereiro de 2019 ás 17:17 h
Vice de Nicolás Maduro diz que ajuda humanitária à Venezuela é 'contaminada, envenenada e cancerígena'
Delcy Rodriguez, ao lado de Nicolás Maduro, durante protestos a favor do regime chavista na Venezuela em janeiro — Foto: Luis Robayo/AFP
Publicidade

Do G1 - A vice-presidente do regime de Nicolás Maduro, Delcy Rodriguez, acusou a ajuda humanitária enviada à Venezuela de ser "contaminada, envenenada e cancerígena".

"Poderíamos dizer que são armas biológicas, o que pretendem introduzir com essa ajuda humanitária", afirmou Rodriguez, em discurso na terça-feira (12).

No mesmo dia, milhares de venezuelanos foram às ruas em todo o país para pressionar o governo chavista a liberar a entrada do carregamento de comida e remédios – parte dele retido na fronteira com a Colômbia por apoiadores do regime.

Juan Guaidó, declarado presidente interino em janeiro, afirmou que a ajuda humanitária chegará à Venezuela até 23 de janeiro. Ele também informou que haverá novos pontos de coleta desse carregamento, inclusive na fronteira com o Brasil, em Roraima.

O regime chavista acusa os Estados Unidos de tramarem um golpe de estado com a entrada da ajuda humanitária. Maduro se defende dizendo que as sanções impostas pelo governo de Donald Trump são responsáveis pela fome e crise de abastecimento vivida no país.

petra

Por: Nova Cruz Oficial
Comentários ()