Na Paraíba
Ex-deputado federal da Paraíba é alvo de operação contra desvios
De acordo com as investigações, as fraudes da empresa Almed envolvem pelo menos seis prefeituras da Paraíba

Publicado em 08/10/2019 09:32 - Atualizado em 08/10/2019 09:32

Uma quantia em dinheiro foi apreendida pela Polícia Federal durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão na 5ª fase da Operação Xeque-Mate — Foto: PF-PB/Divulgação


A Polícia Federal cumpre oito mandados de busca e apreensão na manhã desta terça-feira (8), na Paraíba, na quinta fase da Operação Xeque-Mate, comandada pelo delegado federal Fabiano Emílio. Um dos alvos da operação é a empresa Almed, suspeita de fraudar licitações em todo estado. O ex-deputado federal André Amaral Filho, e o pai dele, André Amaral, também são alvos dos mandados, cumpridos, pelo menos, nos bairros de Manaíra e Miramar, em João Pessoa, nas residências dos investigados e em empresas contratadas pela Prefeitura de Cabedelo.

De acordo com as investigações, as fraudes da empresa Almed envolvem pelo menos seis prefeituras da Paraíba: Mamanguape, Gurinhem, Pedra Lavrada, Conceição, Itaporanga e São Vicente do Seridó. Outro local alvo dos mandados da Polícia Federal é a Secretaria de Administração do Estado.

Os mandados de busca também são cumpridos nas residências de Reuben Cavalcante, Vina Lúcia Ribeiro, Antônio Callou de Alencar Sobrinho, José Adênio Melo Alencar e na sede da empresa Almed, distribuidora de medicamentos suspeita de fraudar licitações em todo estado.

Leia mais direto do G1


250 x 100
250 x 100
Contato
contato.novacruzoficial@bol.com.br

Direção Geral: 84 98718-8468