Lamentável
Dentista do RN morre após teste de aptidão física da Polícia Militar em Fortaleza
Darlene era servidora pública em Iracema, no interior do Ceará, e natural do Rio Grande do Norte

Publicado em 14/06/2022 21:02 - Atualizado em 14/06/2022 21:02

Foto/Reprodução

De O Povo - A dentista Darlene Sonária Ferreira morreu após um teste de aptidão física (TAF) nesse domingo, 12, em Fortaleza. O teste foi realizado na Universidade de Fortaleza (Unifor), onde profissionais da saúde, como médicos, psicólogos e dentistas faziam o TAF para ingressar como oficiais complementares da Polícia Militar do Ceará (PMCE).

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A causa oficial da morte ainda não foi informada. 

Conforme O POVO apurou, há relatos de testemunhas apontando que outras pessoas passaram mal durante o TAF, que teria acontecido no período da tarde.

A Secretaria da Segurança informou que todos os candidatos apresentam atestado médico que comprova as condições de saúde do participante para a realização da Avaliação de Capacidade Física e assinam um Termo de Responsabilidade. 

Segundo uma amiga da dentista, ela teve um infarto. Darlene era servidora pública em Iracema, no interior do Ceará, e natural do Rio Grande do Norte. A Prefeitura Municipal de Iracema a publicou uma nota de pesar pelo falecimento da profissional. 

Pacientes utilizaram as redes sociais para lamentar o caso e relembrar o trabalho da profissional.

Conforme uma moradora de Iracema e paciente, que conversou com o O POVO, Sonária era sempre simpática com todos e muitas pessoas gostavam do atendimento da dentista. "Ela atendia o público de nossa cidade, era um cargo público, muitas pessoas a conheciam, e isso deixou muitas pessoas tristes" relata.

Para a paciente, as pessoas estão se solidarizando e há muitas homenagens. "Nossa cidade está de luto, pois perdemos uma grande profissional", relata a moradora. 

Por meio de nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE) e os órgãos vinculados, Academia Estadual de Segurança Pública (Aesp) e Polícia Militar do Ceará (PMCE), lamentaram a morte da dentista Darlene Sonaria Ferreira. 

A SSPDS confirmou que a morte aconteceu no domingo, 12, após a dentista participar da Avaliação de Capacidade Física do concurso público para ingresso no cargo de Segundo-Tenente do Quadro de Oficiais Complementares da Polícia Militar do Ceará (PMCE).

Conforme o órgão, a candidata passou mal durante a prova e foi prontamente atendida pela equipe médica, sendo levada, logo em seguida, para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde chegou consciente.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

"Ressaltamos que a etapa de Avaliação de Capacidade Física é de responsabilidade da organizadora do certame, neste caso, a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista – VUNESP, e que todos os candidatos apresentam atestado médico que comprova as condições de saúde do participante para a realização da Avaliação de Capacidade Física, bem como, assinam Termo de Responsabilidade", informa a nota da SSPDS.


250 x 100
Contato
contato.novacruzoficial@bol.com.br

Direção Geral: 84 98718-8468